Teoria dos Jogos, cooperação social e ganhos subótimos: a experiência de moradores de Piúma/ES

Publicado nos anais do I Seminário Nacional da Pós-Graduação em Ciências Sociais/UFES o artigo que apresentei, juntamente como Carlos Alberto Costa, na ocasião.
Boa leitura.
Artigo completo em: http://periodicos.ufes.br/SNPGCS/article/view/1535/1126

Abaixo resumo do mesmo.

Cristiano das Neves Bodart
Carlos Alberto Costa

I Seminário Nacional do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais – UFES 

GT 5 : Representação, Participação e Deliberação: desafios para a Teoria Política no século XXI

Resumo
O presente trabalho tem como estudo de caso a experiência que vem sendo desenvolvida em Piúma/ES, onde, por meio de mutirões comunitários, os moradores pavimentam suas ruas em parceria com o Poder Público Municipal. Recorremos a Teoria dos Jogos e da Escolha Racional a fim de buscar responder algumas questões referentes às motivações capazes de conduzir os indivíduos a tal ação coletiva. A metodologia adotada, além da revisão de literatura, foi a pesquisa de campo, realizada por meio de entrevistas. Identificamos que a racionalidade dos indivíduos os levou a buscar um ganho subótimo, uma vez que a solução ótima era duvidosa. Optaram por romper com o jogo repetido da promessa política e apostaram em um novo jogo, mesmo não sendo essa a solução ótima. Foi possível identificar que tal ação criou uma sinergia participativa na comunidade.
Palavras-Chaves: Teoria dos Jogos; Dilema do Prisioneiro; Cooperação Social; Ganho Subótimo.

Game Theory, social cooperation, and suboptimal gin: The Experience of Resident of Piúma/ES
Abstract
This paper uses as a case study the experience under development in Piúma /ES, where, be means of joint community work efforts, the residents pave their streets in partnership with the municipal government. We draw on Game Theory and Rational Choice in order to try to answer some questions about the motivations that can direct individuals to such collective action. Besides a review of the literature, the methodology used was field work, carried out through interviews. We identified that the rationality of individuals led them to seek a suboptimal gain, since the optimal solution was doubtful. They opted to break with the repeated game of political promise and bet on a new game, even though this was not the optimal solution. It was possible to identify that such action created a participatory synergy in the community.
Key Words: Game Theory; Prisoner’s Dilemma; Social Cooperation; Suboptimal Gain.
Cristiano Bodart Bodart

Graduado em Ciências Sociais, doutor em Sociologia pela Universidade de São Paulo/USP.

View more articles Subscribe
comment No comments yet

You can be first to leave a comment

mode_editLeave a response

Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person. Required fields marked as *

menu
menu
%d blogueiros gostam disto: