Posts From Cristiano Bodart

Fatos Sociais

access_timemarço 8, 2009 chat_bubble_outline 0

BREVE COMENTÁRIO A sociedade é regida por normas, leis e regras. Desta forma somos “estimulados” a agir como todos agem. Esse vídeo apresenta muito bem

Mulheres de Atenas – Chico Buarque

access_timemarço 8, 2009 chat_bubble_outline 0

Mulheres de AtenasChico BuarqueComposição: Chico Buarque Mirem-se no exemplo Daquelas mulheres de Atenas Vivem pros seus maridos Orgulho e raça de Atenas Quando amadas se

Cálice – Chico Buarque

access_timemarço 8, 2009 chat_bubble_outline 1

BREVE COMENTÁRIO A Música de Chico Buarque é uma manifestação crítica à pressão do Estado durante a Ditadura Militar brasileira. Crítica a sensura que se

Apesar de você – Chico Buarque

access_timemarço 8, 2009 chat_bubble_outline 0

Vídeo elaborado (de forma criativa) buscando demonstrar como a sociedade brasileira reagiu em diversos momentos históricos. LETRA Apesar De Você – Chico Buarque Composição: Chico

Sociedade Alternativa – Raul Seixas

access_timemarço 8, 2009 chat_bubble_outline 0

Raul Seixas Composição: Paulo Coelho / Raul Seixas Viva! Viva! Viva A Sociedade Alternativa(Viva! Viva!) Viva! Viva!Viva A Sociedade Alternativa(Viva O Novo Eon!) Viva! Viva!Viva

Se os Tubarões Fossem Homens

access_timemarço 8, 2009 chat_bubble_outline 0

Poema de  Bertold Brecht  (No fim do texto, segue a declamação de Abujamra) Se os tubarões fossem homens, eles seriam mais gentís com os peixes pequenos.

Os que lutam- Bertolt Brecht

access_timemarço 8, 2009 chat_bubble_outline 0

“Há aqueles que lutam um dia; e por isso são muito bons; Há aqueles que lutam muitos dias; e por isso são muito bons; Há

Elogio do Revolucionário – Bertolt Brecht

access_timemarço 8, 2009 chat_bubble_outline 0

Quando aumenta a repressão, muitos desanimam. Mas a coragem dele aumenta. Organiza sua luta pelo salário, pelo pão e pela conquista do poder. Interroga a

A fábula – Engenheiros do Hawaii

access_timemarço 8, 2009 chat_bubble_outline 1

Fábula (Letra)Era uma vez um planeta mecânico,lógico, onde ninguem tinha dúvidashavia nome pra tudo e para tudo uma explicaçãoaté o pôr-do-sol sobre o mar era

Pensamento: interpretando o mundo… ?!

access_timemarço 2, 2009 chat_bubble_outline 0

“NÃO VEMOS AS COISAS COMO SÃO, MAS COMO SOMOS” (Pedro Demo; 2009) PhD em Sociologia pela Universidade de Saarbrücken, Alemanha, 1967-1971, e pós-doutor pela University

menu
menu