Dez temas mais polêmicos para debater em sala

Dez temas mais polêmicos para debater em sala

Levantamos a sugestão de dez temas polêmicos para debater em sala de aula

 

As aulas tornam-se muito mais dinâmicas quando os alunos participam de maneira mais interativa e os temas tornam-se mais interessantes quando se relacionam a um momento de confronto prático de ideias. No entanto, é necessário que o professor seja muito cuidadoso na escolha e planejamento dos temas.  Segue nossa sugestão de estrutura de plano de aula para abordar temas polêmicos.

 

 

 

 

 

 

Público alvo:

Alunos do Ensino Médio

Duração das atividades:

04 horas aula para cada tema.

Objetivos gerais:

Conhecer as múltiplas dimensões de um problema e abordá-lo de forma crítica.

Materiais necessários:

– Cartolina

– Quadro

– Pincel

– Relógio ou cronometro

Metodologia:

1º Momento

O professor deve apresentar o tema de maneira preliminar, mostrando os principais argumentos contrários e favoráveis a uma ideia.  É importante que o professor faça o papel de mediador e evite evidenciar suas preferências para não interferir no desenvolvimento crítico dos alunos. Neste momento, os alunos devem conhecer o tema de maneira preliminar de modo que na aula seguinte escolham qual ideia se afinar. Ressalte que os alunos devem se afinar com as ideias apenas depois que conhecer bem os dois principais posicionamentos.

O professor deve explanar os principais pontos de vista dos dois principais posicionamentos e distribuir referência de textos e vídeos para que os alunos se preparem. É ideal que o professor explique as principais falácias e cole um painel com as principais delas no quadro no dia do debate, no caso o 2º momento.

 

2º Momento

Após o professor ter distribuído as referências de temas é necessário estipular claramente as regras de debate e dizer, deixar claro que o principal objetivo da atividade é que todos aprendam a enxergar as múltiplas dimensões dos problemas, não exatamente defender um ponto de vista. O docente deve escrever no quadro as regras para evitar tumultos.

 

Regras:


1- O professor será o mediador do debate;

2- A sala será dividida em dois grupos de estudantes. De um lado os que são a favor da ideia, do outro os que são contra.

3- Ninguém deve sobrepujar a fala do outro, exceto o mediador. Alunos que não respeitarem essa regra terão sua nota reduzida.

4- Haverá duas rodadas. A primeira rodada de argumentos e a segunda rodada de perguntas. Os dois grupos, a favor e contra terão as mesmas quantidade de perguntas e argumentos.

5- Cada fala terá tempo máximo estipulado. Máximo de 3 minutos para o argumento, 2 minutos pare réplica e um minuto para tréplica.

6- A segunda rodada é a de perguntas. O professor vai sortear perguntas para o grupo “a favor” e contra. A pergunta terá resposta de 3 minutos, réplica de 2 minutos e tréplica de 1 minuto.

6-  O grupo terá um porta voz que falará em nome do grupo “a favor”, “contra”. Esses dois representantes devem ser escolhidos pela turma.

7- A qualquer momento os alunos podem “mudar de lado” sem nenhum tipo de penalidade. Exceto os que aceitaram ser porta-vozes das duas ideias antagônicas.

Avaliação:

Faça uma avaliação levando em conta os argumentos dos dois lados e como esses argumentos encontram fundamentação teórica no assunto o qual está sendo abordado.

 

Roniel Sampaio Silva

Mestre em Educação e Graduado em Ciências Sociais. Professor do Programa do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí – Campus Floriano. Dedica-se a pesquisas sobre condições de trabalho docente e desenvolve projetos relacionados ao desenvolvimento de tecnologias.

View more articles Subscribe
comment No comments yet

You can be first to leave a comment

mode_editLeave a response

Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person. Required fields marked as *

menu
menu
%d blogueiros gostam disto: