Solidão no meio da multidão: saudades de minha vizinha fofoqueira.

Solidão no meio da multidão: saudades de minha vizinha fofoqueira.
[Texto originalmente publicado no Portal 27]

Por Cristiano Bodart

Com a modernidade reivindicamos a liberdade e a individualidade, de tal modo que, quanto mais moderna a sociedade a qual estamos inseridos mais uno e individualizado buscamos ser. O moderno veio para crucificar o tradicional (brega, atrasado, antigo, etc.), para deixar às costas as antigas formas de vida social.
Nascido e criado em cidade pequena, sempre tive o desejo de ter mais privacidade, coisa que a Maria Santinha*, minha vizinha, nunca deixou eu ter. Passado alguns anos, passei a quase residir em uma das maiores cidades do mundo, São Paulo. Costumo ficar durante a semana na capital paulista e voltar para minha cidadezinha nos fins de semana.
Em meio à multidão, comecei a ter consciência daquilo que havia lido nos livros de Sociologia: um sentimento de solidão em meio a uma multidão, a falta de “calor humano” e um sentimento blasé (indiferença frente aquilo que deveria trazer surpresa ou choque). [Continuar lendo…]
Cristiano Bodart

Doutor em Sociologia pela Universidade de São Paulo (USP), professor do Programa de Pós-Graduação em Sociologia da Universidade Federal de Alagoas (Ufal). Docente do Centro de Educação da Ufal.

View more articles Subscribe
Leave a response comment1 Response
  1. Denise Barbosa
    setembro 17, 23:37 Denise Barbosa

    O moderno veio para crucificar o tradicional (brega, atrasado, antigo, etc.), para deixar às costas as antigas formas de vida social.Ter consciência daquilo que havia nos livros de Sociologia: um sentimento de solidão em meio a uma multidão, a falta de “calor humano” e um sentimento blasé.
    Ninguém vive sozinho no mundo , existe milhões de pessoas ao seu redor !

    reply Reply this comment
mode_editLeave a response

Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person. Required fields marked as *

menu
menu
%d blogueiros gostam disto: