Saiba o que é Golpe de Estado e Golpe Branco

Saiba o que é Golpe de Estado e Golpe Branco

Golpe de Estado e Golpe Branco

Por Cristiano das Neves Bodart

O conceito de Golpe de Estado vem sendo, muitas vezes, evocado de forma equivocada ou imprecisa.

Mas, afinal, o que é um Golpe de Estado? A proposta desse texto é justamente apresentar esse conceito tão presente nos últimos dias.

É importante destacar que o conceito de Golpe de Estado foi, ao longo da história, sofrendo mudanças até se apresentar como o conhecemos hoje. A expressão Golpe de Estado (coup d’Etat) provavelmente teve origem no século XVII, na obra “Considérations politiques sur le coup-d’état t, 1639”, escrito por Gabriel Naudé. Na ocasião o conceito buscava descrever a ação de Catarina de Médici ao tentar eliminar os protestantes (Heguenotes) na “noite de São Bartolomeu”, fato ocorrido em 23 e 24 de agosto de 1572, na cidade de Paris. O referido autor também usou o co

nceito para descrever a ação de Tibério, imperador Romano, de agir no sentido de impedir que sua cunhada se casasse e tivesse filhos que viessem disputar o trono com os seus filhos.

Com a queda das monarquias e o desenvolvimento de regimes políticos regidos por uma Constituição (que retira do governante o poder irrestrito), o conceito de “Golpe de Estado”, sofreu considerável modificação; passou a designar toda a derrubada confabulada de um regime político ou governante do poder violando a Constituição. Golpe também passou a ser caracterizado, em muitos casos, por uma ação confabulada para manter-se ilegalmente no poder, ferindo a Constituição.

A derrubada de um governo pode ocorrer sem o uso da violência, apresentando um falso aspecto de legalidade. Nesses casos, damos o nome de “Golpe Branco”. O Golpe Branco trata-se de uma trama que, igualmente, tem por objetivo derrubar um governante ou manter-se no poder por meio do uso parcial da legislação, sendo dado uma aparência de legalidade e respeito à Constituição.

O golpe de Estado tradicional geralmente é realizado com apoio das Forças Armadas; às vezes praticado por estas. Já o Golpe Branco geralmente é realizado pelo Senado (no caso de países presidencialistas), tendo o apoio da grande mídia; esta responsável por criar discursos que buscam transparecer legitimidade na derrubada do governante. Para Barbé (2010, p.545), 

“O significado da expressão Golpe de Estado mudou no tempo. O fenômeno em nossos dias manifesta notáveis diferenças em relação ao que, com a mesma palavra, se fazia referência três séculos atrás. As diferenças vão, desde a mudança substancial dos atores (quem o faz), até a própria forma do ato (como se faz). Apenas um elemento se manteve invariável, apresentando-se como traço de união (trait d’union) entre estas diversas configurações: o Golpe de Estado é um ato realizado por órgãos do próprio Estado”

Nesses casos, não se engane. Golpe é golpe!

 

Referências

BARBÉ, Carlos. “Golpe de Estado”. In:_____. BOBBIO, Norberto; MATTEUCCI, Nicola; PASQUINO, Gianfranco. Dicionário de política. V. 1. Tradução de Carmen Varriale et al. Brasília: UnB, 2010.

 

Como citar esse texto:

BODART, Cristiano das Neves. Saiba o que é Golpe de Estado e Golpe Branco. Blog Café com Sociologia.com. 2016. Disponível em: <endereçodapostagemaqui>. Acesso: dia, mês, ano.

Golpe de estado

Roniel Sampaio Silva

Mestre em Educação e Graduado em Ciências Sociais. Professor do Programa do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Piauí – Campus Floriano. Dedica-se a pesquisas sobre condições de trabalho docente e desenvolve projetos relacionados ao desenvolvimento de tecnologias.

View more articles Subscribe
Leave a response comment1 Response
  1. Flor
    abril 02, 17:53 Flor

    Nossa ate hoje esse papo de aranha?

    reply Reply this comment
mode_editLeave a response

Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person. Required fields marked as *

menu
menu
%d blogueiros gostam disto: