Aprenda a produzir uma resenha para publicá-la em revista acadêmica

Aprenda a produzir uma resenha para publicá-la em revista acadêmica

 

A resenha é uma produção acadêmica que tem por objetivo apresentar um livro recém produzido. Caracteriza-se por sua brevidade (comparado a um artigo ou a uma monografia), sendo uma “espécie de resumo comentado de uma publicação recentemente realizada”; geralmente com menos de três anos de publicação. Nela há apreciações do resenhista, analises crítica e interpretativas da obra analisada.
.
Além qualidade do conteúdo, a resenha deve atender as normas da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT).
.
.
Estrutura de uma resenha
. 
O texto da resenha apresenta uniformidade gráfica e não apresenta subdivisões (capítulos e seções). Na primeira folha, deve ser incluída a referência bibliográfica completa da obra comentada. Logo após, deve ser inserido o nome, a titulação acadêmica, a filiação institucional e o endereço eletrônico do resenhista (em algumas revista essas informações do resenhista vem no final da resenha).
.
Deve-se evitar citação de outras obras; quando tal citação for imprescindível (usada para confrontar dados ou argumentos, assim como para realizar paralelos), incluí-la no corpo do texto seguindo as normas da ABNT e no final, nas referências bibliográficas.
.
Convém inserir dados biográficos e acadêmicos do autor da obra resenhada, o que geralmente é feito no início. Se possível destaque o contexto da produção da obra (financiadores, motivações, como surgiu a proposta da obra etc.)
.
Uma boa resenha contém:
1. apresentação do autor (informações acadêmicas) e da obra resenhada (informações desejadas: em que condições foi escrita ou publicada a obra; se teve apoio financeiro; motivação da produção, etc.) ;
2. o objeto de estudo.
3. objetivo geral e objetivos específicos da obra;
4. metodologia (método adotado, tipo de pesquisa, instrumento de coleta e análise de dados, etc.);
5. divisões e subdivisões do livro;
6. principais dados e resultados encontrados;
7. possíveis limitações e potencialidades da obra (uma análise crítica, de opinião do resenhista).
.
Exemplos de resenhas:
.
.
.
Cristiano Bodart

Doutor em Sociologia pela Universidade de São Paulo (USP), professor do Programa de Pós-Graduação em Sociologia da Universidade Federal de Alagoas (Ufal). Docente do Centro de Educação da Ufal.

View more articles Subscribe
comment No comments yet

You can be first to leave a comment

mode_editLeave a response

Your e-mail address will not be published. Also other data will not be shared with third person. Required fields marked as *

menu
menu
%d blogueiros gostam disto: